Cultura - 16/10/2017 - 10:53:45

 

Filme de terror é o vencedor do Festival do Rio 2017

Filme de terror é o vencedor do Festival do Rio 2017

 

Da Redação com Abr

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 


O filme As Boas Maneiras, dirigido por Juliana Rojas e Marco Dutra, foi o grande vencedor do Festival do Rio 2017. O longa metragem, um filme de terror sobre lobisomens, conquistou cinco prêmios: melhor longa de ficção, melhor atriz coadjuvante (Marjorie Estiano), melhor fotografia (Rui Poças), prêmio da crítica Fipresci e prêmio Felix.

Os vencedores foram anunciados na noite de ontem (15), último dia da 19ª edição Festival do Rio, que apresentou quase 280 filmes, entre longas e curtas de ficção e documentários de mais de 60 países, durante dez dias. Confira a lista de vencedores:

Mostra Première Brasil

Melhor longa-metragem de ficção – As Boas Maneiras, de Juliana Rojas, Marco Dutra. produzido por Sara Silveira, Maria Ionescu, Clément Duboin e Frédéric Corvez

Melhor longa-metragem de documentário – Piripkura, de Mariana Oliva, Renata Terra, Bruno Jorge. produzido por Mariana Oliva

Melhor curta-metragem – Borá, de Angelo Defanti. produzido por Sara Silveira, Bárbara Defanti e Cristina Alves

Menção Honrosa curta-metragem – Roberta Gretchen Coppola, por Vaca Profana

Merlhor direção de ficção – Lúcia Murat, por Praça Paris

Melhor direção de documentário – Tatiana Lohmann e Roberta Estrela D'Alva, por Slam: Voz de Levante

Melhor atriz – Grace Passô, por Praça Paris

Melhor ator – Daniel de Oliveira, por Aos Teus Olhos e Murilo Benício por O Animal Cordial

Melhor atriz coadijuvante – Marjorie Estiano, por As Boas Maneiras

Melhor ator coadjuvante – Marco Rica, por Aos Teus Olhos

Melhor fotografia – Rui Poças, por As Boas Maneiras

Melhor montagem – Caroline Leone, por Alguma Coisa Assim

Melhor roteiro – Lucas Paraizo, por Aos Teus Olhos

Prêmio especial do júri – Slam: Voz de Levante

Mostra Novos Rumos

Melhor filme –  A parte do mundo que me pertence de Marcos Pimentel. produzido por Luana Melgaço

Melhor curta – Atrito, de Diego Lima

Prêmio especial do júri – Vende-se esta Moto, de Marcus Faustini

Voto Popular

Melhor longa ficção: Aos Teus Olhos, de Carolina Jabor. produzido por Carolina Jabor e Leonardo Monteiro de Barros

Melhor longa documentário: Dedo na Ferida, de Silvio Tendler, produzido por Silvio Tendler

Melhor curta: Vaca Profana, de René Guerra. produzido por Juliana Vicente

Prêmio da Crítica Fipresci

As Boas Maneiras, de Juliana Rojas e Marco Dutra

Prêmio Felix

Melhor longa de ficção: As Boas Maneiras, de Juliana Rojas e Marco Dutra. , produzido por Sara Silveira, Maria Ionescu, Clément Duboin e Frédéric Corvez

Melhor longa documentário: Queercore: How to Punk a Revolution, de Yony Leyser. produzido por Thomas Janze

Melhor curta: Sandra Chamando, de João Cândido Zacharias. produzido por Tatiana Leite

Mostra Geração

Melhor filme: Sobre Rodas, de Mauro D’Addio. produzido por Beatriz Carvalho

Menções honrosas

Historietas assombradas, o filme, de Vitor-Hugo Borges

Altas expectativas, de Pedro Antonio Paes e Álvaro Campos

 



;

'As boas maneiras' foi o grande vencedor do Festival do Rio 2017

'As boas maneiras' foi o grande vencedor do Festival do Rio 2017

Turismo SBC


Últimas Notícias




Atirador de Campinas trabalhou como auxiliar da Promotoria de SP


Maioria do TSE rejeita ação do PT contra Bolsonaro


Luiz Marinho recebe R$60 mil via caixa 2, diz Grupo CCR


Nunca mais seremos um país socialista, diz Eduardo Bolsonaro à Fox News


Câmara de São Caetano aprova saída do Consórcio Intermunicipal


Gleisi Hoffmann, em "ato falho", entrega quem é proprietário do sítio de Atibaia